Notícias Gerais
 
21.Fev - Papa Francisco inaugura reunião sobre o tema dos abusos pedindo valentia aos bispos
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Papa Francisco inaugura reunião sobre o tema dos abusos pedindo valentia aos bispos

O Papa Francisco inaugurou este 21 de fevereiro o encontro com bispos de todo o mundo, entre eles os presidentes de todas as conferências episcopais da Igreja Católica, no qual os prelados junto do Santo Padre refletirão nos próximos 3 dias sobre a proteção de menores e animou os bispos a terem a valentia de buscar a cura para “as graves feridas do escândalo da pedofilia” na Igreja.


 


Depois da oração matutina no Sala Nova do Sínodo, o Santo Padre explicou que “ante o flagelo do abuso sexual perpetrado por homens da Igreja que prejudicaram os menores” ele decidiu convocar Patriarcas, Cardeais, Arcebispos, Bispos, Superiores Religiosos e outros responsáveis por alguns Dicastérios da Cúria Romana, para que “juntos escutemos o Espírito Santo e com docilidade ouçamos o clamor dos pequenos que pedem justiça”.


 


Deste modo, o Papa recordou aos 190 participantes do encontro, “o peso da responsabilidade pastoral e eclesiástica, que nos obriga a discutir juntos, de maneira sinodal, sincera e profunda sobre como enfrentar este mal que aflige a Igreja e a humanidade”.





“O santo povo de Deus nos olha e espera de nós não só uma mera e óbvia condenação do tema, e sim medidas concretas e efetivas", exclamou.




Neste sentido, o Pontífice animou os presentes a iniciarem este “caminho armados com a fé e o espírito de máxima parresia, valentia e concreção” e para isso,os participantes receberam um documento preparado por diversas Comissões e Conferências Episcopais, e que segundo o Papa, contém importantes critérios e “linhas gerais para ajudar na nossa reflexão”. Eles são “um ponto de partida”, porém não devem remover “a criatividade que deve haver neste encontro”, explicitou.


 


Do mesmo modo, o Papa Francisco agradeceu à Pontifícia Comissão para a proteção de menores, a Congregação para a Doutrina da Fé e aos membros do Comitê organizador “pelo excelente trabalho desenvolvido com grande compromisso para preparar este encontro”. “Muito obrigado!”, expressou.


 


Ao finalizar, o Santo Padre pediu ao Espírito Santo “nos sustentar nestes dias e nos ajudar a transformar este mal em uma oportunidade de consciência e de purificação” e à Virgem Maria para que os “ilumine para procurar curar as graves feridas que o escândalo da pedofilia causou, seja nos pequenos ou nos demais fiéis”, concluiu.


 


O programa do encontro prevê que de quinta-feira à sábado haja três conferências por dia, a primeira foi realizada pelo Cardeal Luis Antonio Tagle com o título “O aroma das ovelhas. Saber sua dor e curar suas feridas está no coração da tarefa do pastor”. Diariamente também os participantes terão espaço para as perguntas, trabalhos em diferentes grupos linguísticos e oração pela tarde com o testemunho de uma vítima de abusos.


 


Já no sábado pela tarde haverá uma liturgia penitencial e no domingo pela manhã uma celebração Eucarística concelebrada por todos os bispos e clérigos convidados. Ambos eventos terão lugar na Sala Régia do Vaticano. Ao concluir esta Eucaristia, o Papa Francisco pronunciará seu discurso final encerrando o evento.


Fonte: ACI Digital

Indique a um amigo
 
Newsletter

CADASTRE-SE

CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA NOTÍCIAS ATUALIZADAS DO IBMC
  • ibmc@ibmc.com.br

  • Copyright © 2019 IBMC - Instituto Brasileiro de Marketing Católico. Todos os direitos reservados.